03 julho 2007

Um poema de peso

O Elefantinho

(Vinicius de Moraes)


Onde vais, elefantinho?

Correndo pelo caminho

Assim tão desconsolado?


Andas perdido, bichinho.

Espetaste o pé no espinho?

Que sentes pobre coitado?

— Estou com um medo danado

Encontrei um passarinho!

Nenhum comentário: