30 julho 2011

LeiturATIVA

LeiturATIVA

Vamos incentivar a leitura!

Câmara analisa projeto de lei que pune violência contra o professor

A Câmara dos Deputados analisa o Projeto de Lei 267/11, da deputada Cida Borghetti (PP-PR), que estabelece punições para estudantes que desrespeitarem professores ou violarem regras éticas e de comportamento de instituições de ensino.

Em caso de descumprimento, o estudante infrator ficará sujeito a suspensão e, na hipótese de reincidência grave, encaminhamento à autoridade judiciária competente.

A proposta muda o Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei 8.069/90) para incluir o respeito aos códigos de ética e de conduta como responsabilidade e dever da criança e do adolescente na condição de estudante.

Indisciplina
De acordo com a autora, a indisciplina em sala de aula tornou-se algo rotineiro nas escolas brasileiras e o número de casos de violência contra professores aumenta assustadoramente. Ela diz que, além dos episódios de violência física contra os educadores, há casos de agressões verbais, que, em muitos casos, acabam sem punição.

O projeto, que tramita em caráter conclusivo, será analisado pelas comissões de Seguridade Social e Família; de Educação e Cultura; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.


Quando eu era estudante do ensino médio, os meus professores me serviam de referência, era possível ser amiga deles. Ao mesmo tempo em que podíamos brincar com eles, havia um respeito enorme por aqueles que nos ensinavam um pouco mais dia a dia. É muito triste perceber que o desrespeito e a violência ao professor imperam no dia de hoje.

Amannda Oliveira
(http://www.blogfalandofrancamente.com/2011/04/camara-analisa-projeto-de-lei-que-pune.html)

Vamos incentivar a leitura!

09 março 2011

13 outubro 2010


Criado no siteVocê na capa de NOVA ESCOLA.



Vamos incentivar a leitura!

30 julho 2010

Verdades e mentiras sobre computadores pessoais

Derrubados quinze mitos sobre PCs

(Muito importante! Não deixe de ler.)


A IBM apresentou ao mundo o patriarca dos atuais PCs em 1981, mas as sementes da computação pessoal remontam a pelo menos duas décadas antes – senão mais. Durante esse período de pelo menos 40 anos, surgiram inúmeros mitos a respeito do uso, conservação e funcionamento desses equipamentos hoje universais.

Para acabar com qualquer dúvida, preparamos uma lista do que é verdade, do que tinha fundamento mas hoje foi superado e do que sempre foi mentira. Acompanhe e veja o quanto seu PC ou Mac sofre nas suas mãos, e o quanto de cuidado é exagero seu.

1. Colar imãs pequenos (como os de geladeira) no gabinete pode prejudicar a CPU.

FALSO. Os ímãs de geladeira têm um campo magnético muito tênue. Além disso, os componentes dos computadores modernos são bastante imunes a campos magnéticos, mesmo de intensidade moderada. Obviamente, não recomendamos colocar os potentes ímãs perto do que quer que seja (inclusive dos seus dedos: tinyurl.com/dhpko9 ).

2. É necessário deixar um bom espaço entre o monitor e a parede atrás dele.

FALSO, MAS CUIDADO! Algum espaço é necessário para promover a ventilação, mas ele pode ser pequeno – cerca de dois centí­metros já está de bom tamanho. Use a largura de seu dedo indicador como medida. E não esqueça que o ar quente sobe, então é necessário espaço logo acima do monitor também.

3. Se o computador passou toda a noite ligado, é melhor desligá-lo e reiniciar antes de usar de novo.

FALSO. Os sistemas operacionais modernos (Windows, Linux e Mac OS X) podem ter um uptime (tempo em que ficam ligados) de várias semanas ou mesmo meses. Se seu PC fica lento durante um perí­odo grande de uso, é sinal de ví­rus ou outras pragas, e não do tempo em que ficou ligado. Todavia, enquanto não toma providências definitivas, reiniciá-lo realmente pode aliviar o problema por algumas horas. Mas se for para reiniciar, por que deixar ligado?

4. O computador gasta mais energia ao ser ligado do que se permanecer em uso por longas horas.

FALSO. Computador não é carro e não tem motor de arranque. Não caia nessa lorota de quem tem preguiça de fechar e abrir os programas que usa no dia-a-dia. Por mais econômico que o PC seja, qualquer momento em que ele passe desligado há economia de energia – e não é pouca. Recomenda-se desligá-lo inclusive na hora do almoço.

5. Usar programas piratas aumenta a chance de ser infectado por vírus e outras pragas virtuais.

VERDADEIRO. Pode parecer papo de sanitarista ou alarmismo dos fabricantes de software, mas infelizmente essa é uma triste realidade. Não há como verificar a procedência de softwares e sistemas operacionais baixados ilegalmente, e a maioria deles realmente está adulterada. Nem o Mac OS X, da Apple, escapa (tinyurl.com/2wlhbc5).

6. Desligar o PC diretamente no botão sem escolher antes a opção de desligar a máquina estraga o disco rí­gido.

FALSO. Esse mito tem fundamento histórico. Nos anos 80, os discos rígidos precisavam ser preparados para o desligamento com um comando específico. Se isso não fosse feito, certamente seriam danificados. Mas nos discos rígidos modernos, as cabeças são recolhidas automaticamente na ausência de energia, eliminando o risco. Além disso, ao pressionar o botão nos computadores atuais, o sistema operacional desliga a máquina corretamente.

7. Se você desligou o computador, é melhor deixar que ele ‘descanse’ alguns segundos antes de voltar a ligá-lo.

FALSO. Outro mito dos anos 80, e também relacionado ao disco rígido. Não há mais risco de dano à superfí­cie magnética do disco pelo religamento repentino, e nem ao motor linear que o faz girar. Quanto ao resto do sistema, não há nada que possa estragar com a operação – a não ser, talvez, o próprio botão de ligar, se você for muito insistente (ou tiver a mão pesada).

8. Mover a CPU quando o computador está ligado pode queimar o HD.

FALSO. Se assim fosse, não poderia haver computadores a bordo de automóveis, aviões e veí­culos militares. E muito menos notebooks e iPods. A única peça que poderia ser afetada pelo movimento é o disco rígido, mas a possibilidade de dano nos modelos atuais é muito remota. O grande problema de movimentar o computador é o risco de queda – mas aí­ tanto faz se ele estar ligado ou não.

9. Se está chovendo ou trovoando, desligue o computador e tire o plugue da tomada.

VERDADEIRO. A chuva em si não causa nenhum dano – o problema são as descargas atmosféricas conhecidas como relâmpagos. Se não estiver relampejando (ou trovejando), pode usar seu computador sem problemas durante a chuva. Mas, se estiver, recomenda-se desligar não só o PC mas todo e qualquer equipamento da casa – televisores, aparelhos de som e eletrodomésticos. Embora não seja frequente, a possibilidade de danos por raios em tempestades ainda é grande no Brasil.

10. Deixar o celular perto do computador pode danificar os aparelhos.

FALSO. É verdade que o celular emite ondas de rádio, mas o computador costuma ser blindado o suficiente para não ser afetado por elas. E, mesmo que seja, provocará interferência momentânea e nenhum dano definitivo. O celular também não corre risco algum de ser danificado pelo computador.

11. Olhar para a luz do mouse óptico pode prejudicar a visão.

VERDADEIRO. Embora não seja um laser, o LED vermelho do mouse óptico é focalizado por uma lente e tem intensidade suficiente para causar danos irreparáveis à retina, especialmente se a exposição for muito longa.

12. Ao desligar o computador, sempre é necessário desligar também o monitor.

FALSO. Alguns computadores desligam automaticamente o monitor, outros não. Verifique seu manual de instruções. Caso o monitor não seja desligado automaticamente, é interessante desligá-lo manualmente para economizar energia e estender a vida útil do aparelho. Mas não é obrigatório.

13. Não se deve colocar CDs, DVDs ou qualquer outro dispositivo sobre a CPU.

FALSO. Não há nenhum problema nisso. Cuide apenas para não obstruir nenhuma abertura de ventilação mas, fora isso, não há risco algum nem para os CDs e DVDs, nem para os gadgets (celular, iPod) e nem para o computador. Há alguns modelos que, inclusive, possuem uma área emborrachada sobre a CPU justamente com a função de acomodar e armazenar discos e dispositivos.

14. Sempre que mais de 80% do disco rígido está sendo usado, o computador fica mais lento.

VERDADEIRO. Esse parece mentira, mas não é. Quem compra um computador novo acredita que pode usar a capacidade todinha do disco para guardar suas coisas, mas o sistema operacional precisa de espaço para “respirar”. Se seu disco rígido já se aproxima desse limite de 80%, é melhor pensar numa limpeza – ou em comprar um disco maior.

15. Tirar o pendrive sem "avisar" o computador pode causar danos.

VERDADEIRO. Mas os danos não são ao computador e sim ao pendrive. Quando se usa a opção “remover de modo seguro” no Windows ou “ejetar” no Linux e no Mac OS X, o sistema operacional termina todas as operações de leitura e gravação e “fecha a porta” do pendrive, permitindo sua retirada. Não fazer isso pode causar desde a simples perda de dados até a “fritura” dos circuitos do pendrive.

16. Ter muitos í­cones na área de trabalho deixa o computador mais lento.

FALSO. Muitos í­cones na área de trabalho confundem o usuário, mas não o computador. Em termos puramente técnicos, não há problema nenhum em abarrotar o desktop com ícones.

17. Se eu tiver um bom anti-vírus, bem atualizadinho, estou protegido para navegar na internet.

FALSO. O anti-vírus é importante, bem como um firewall pessoal (como o próprio Windows Defender, que já vem com o Windows) mas se você não tiver bons hábitos de navegação, o anti-ví­rus de nada adiantará. Acostume-se a nãoo visitar sites suspeitos, não clicar em nenhum link recebido por email ou por comunicadores instantâneos nem abrir nenhum anexo, mesmo que venham de amigos ou da família. Só abra anexos que você tem certeza de que são de assustos de trabalho, e olhe lá. Correntes em PowerPoint, programinhas em flash, imagens e filminhos engraçados – tudo isso pode ser vetor de contaminação. Repetimos: não abra anexos nem clique em links a não ser que estritamente necessário .

18. É possÃível lavar o teclado com água e sabãoo embaixo da torneira.

FALSO. É muito, MUITO importante desinfetar diariamente o teclado, porque nele acumulam-se mais bactérias que num assento comum de vaso sanitário (http://tinyurl.com/yh7k2wl). Mas o teclado não resistiria a ser colocado em água corrente. Prefira um pano com removedor de sujeira doméstico para retirar as incrustrações e gorduras e, depois de seco, outro pano com álcool para desinfetar. Recomenda-se testar antes: alguns teclados perdem a marcação das letras com produtos de limpeza. E não esqueça o mouse, ele tabém é imundo.

19. É preciso descarregar completamente a bateria do notebook antes de poder recarregá-la novamente.

FALSO. Esse mito vem das antigas baterias de Ni-Ca, que realmente precisavam ser completamente descarregadas antes de nova recarga para não apresentar perda de capacidade. Mas as atuais baterias de Li- ION não possuem esse problema. Aliás, muito pelo contrário: as baterias de Li- ION têm um número limitado de ciclos de recarga, então quanto menos você as descarregar completamente, melhor.

20. É preciso ter um PC de mesa para poder jogar os games mais modernos do mercado.

FALSO. Embora os PCs de mesa ainda possuam uma capacidade de atualização no hardware que os notebooks ainda não possuem, já existem laptops parrudos o suficiente para encarar os jogos mais modernos, inclusive os mí­ticos Crysis e Far Cry 2, que costumam deixar de joelhos máquinas menos potentes. Mas atenção: não é qualquer laptop que “aguenta” os jogos mais modernos, precisa ser um realmente parrudo, com pelo menos um processador Core 2 Duo ou Quad (ou os novos Core i3, i5 e i7), muita memória e uma placa de ví­deo GeForce, da NVIDIA , ou ATI Radeon dos modelos mais potentes.


Por Henrique Cesar Ulbrich (http://www.geek.com.br)


Vamos incentivar a leitura!

22 julho 2010

Biodiversidade


As Nações Unidas declararam 2010 como o Ano Internacional da Biodiversidade

O que é biodiversidade?


O termo biodiversidade - ou diversidade biológica - descreve a riqueza e a variedade do mundo natural. As plantas, os animais e os microrganismos fornecem alimentos, remédios e boa parte da matéria-prima industrial consumida pelo ser humano.


Para entender o que é a biodiversidade, devemos considerar o termo em dois níveis diferentes: todas as formas de vida, assim como os genes contidos em cada indivíduo, e as inter-relações, ou ecossistemas, na qual a existência de uma espécie afeta diretamente muitas outras.


A diversidade biológica está presente em todo lugar: no meio dos desertos, nas tundras congeladas ou nas fontes de água sulfurosas.


A diversidade genética possibilitou a adaptação da vida nos mais diversos pontos do planeta. As plantas, por exemplo, estão na base dos ecossistemas.



Vamos incentivar a leitura!

20 julho 2010

Planeta Terra

RELATÓRIO DO PLANETA TERRA

Se a população da Terra fosse reduzida à dimensão de uma pequena cidade de 100 pessoas, poderia observar-se a seguinte distribuição:

  • 57 Asiáticos
  • 21 Europeus
  • 14 Americanos
  • 08 Africanos
  • 52 mulheres
  • 48 homens
  • 70 pessoas de cor
  • 30 caucasianos
  • 89 heterossexuais
  • 11 homossexuais
  • 02 nasceriam
  • 01 morreria
  • 50 passariam fome
  • 01 teria um computador
  • 01 (apenas um) teria instrução escolar superior
  • 70 não teriam recebido qualquer instrução escolar.
  • 80 pessoas viveriam em más condições.
  • 06 pessoas seriam donas de 59% de toda a riqueza e todos eles seriam dos Estados Unidos da América.
Quando olha para o mundo nessa perspectiva, consegue perceber a real necessidade de solidariedade, compreensão e educação?

Pensa também no seguinte?:
Esta manhã, se acordar com saúde, então é mais feliz do que 1 milhão de pessoas que não vão sobreviver até ao final da próxima semana.

Se nunca sofrer os efeitos da guerra, a solidão de uma cela, a agonia da tortura, ou fome, então é mais feliz do que outros 500 milhões de pessoas do mundo.

Se pode entrar numa igreja (ou Mesquita) sem medo de ser preso ou morto, é mais feliz do que outros 3 milhões de pessoas do mundo.

Se tem comida na geladeira, tem sapatos e roupa, tem uma cama e teto, é mais rico do que 75% das outras pessoas do mundo.

Se tem uma conta bancária, dinheiro na carteira e algumas moedas num moedeiro, pertence ao pequeno grupo de 8% de pessoas do mundo que estão bem na vida.


Por Marcio Demari.

PS: Complicadinha a matemática do Sr. Marcio Demari.


Vamos incentivar a leitura!

Escolas municipais terão reforço de trainees

O Globo

Publicada em *17/07/2010* às 19h35m
Ruben Berta

RIO - O Rio de Janeiro será a primeira escala para a chegada ao Brasil de
uma rede internacional de formação de líderes na área de educação: a Teach
for All (Ensino para Todos). A partir de agosto, começará a ser realizada a
seleção de 40 universitários e profissionais recém-formados em qualquer área
de conhecimento, que participarão de um programa de trainee em colégios da
rede municipal de ensino. No ano que vem, eles iniciarão um período de dois
anos auxiliando com aulas de reforço de aprendizagem para estudantes de
unidades localizadas em áreas de risco, as Escolas do Amanhã.

O programa Teach For All está atualmente em 13 países e já formou mais de 17
mil profissionais. No Brasil, sua versão foi chamada de Ensina!. O projeto
do Rio de Janeiro, seguindo o padrão internacional, será uma parceria
público-privada. Dois terços do investimento sairão de empresas e um terço
será bancado pela Secretaria municipal de Educação. Os trainees receberão
salários em torno de *R$ 2.500,* equivalente ao de um professor de 40 horas
do ensino regular. Os selecionados passarão por um curso de cinco semanas,
de manejo de sala de aula, antes de começarem o trabalho nas escolas.

- No médio e no longo prazo, o projeto tem a importância de criar uma rede
de pessoas que poderá influenciar não só no desenvolvimento da educação,
como em reformas que influam no desenvolvimento do país. Pessoalmente, os
trainees vão levar a experiência do contato com a realidade social das
escolas. E são técnicas de ensino que podem ser expandidas - afirma a
diretora-executiva do Ensina!, Maíra Pimentel.

A direção do Ensina! já começou a entrar em contato com as principais
universidades do Rio. Após as inscrições, os candidatos passarão por um
processo rigoroso de seleção, com provas dinâmicas e entrevistas. O programa
terá parceria com grandes empresas que atestarão a qualidade do trabalho,
para auxiliar na inserção dos profissionais no mercado de trabalho após o
período como trainee.


Vamos incentivar a leitura!

Dia do AMIGO


Vamos incentivar a leitura!

Mudança na LDB

Diário Oficial da União/, Brasília - Seção 1 - DF, quarta-feira, 14
de julho de 2010

LEI Nº 12.287, DE 13 DE JULHO DE 2010

Altera a Lei no 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as
diretrizes e bases da educação nacional, no tocante ao ensino da arte.

O P R E S I D E N T E D A R E P Ú B L I C A

Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

Art. 1º O § 2º do art. 26 da Lei no 9.394, de 20 de dezembro de 1996,
que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional, passa a
vigorar com a seguinte redação:

"Art. 26.
.............................................................................................................................................................................................
§ 2º O ensino da arte, especialmente em suas expressões regionais,
constituirá componente curricular obrigatório nos diversos níveis da
educação básica, de forma a promover o desenvolvimento cultural dos
alunos.
.............................................................................................."
(NR)

Art. 2º Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação.

Brasília, 13 de julho de 2010; 189o da Independência e 122º da República.

LUIZ INÁCIO LULA DA SILVA
Fernando Haddad

Vamos incentivar a leitura!

16 junho 2010

07 junho 2010

PRECONCEITO, RACISMO E DISCRIMINAÇÃO SOCIAL

O Estado brasileiro foi constituído a ,partir de diferentes matrizes étnicas e culturais, formando, assim, uma sociedade multicultural. As desigualdades sociais, construídas historicamente com base na exploração econômica, violência e escravidão gerou um modo de pensar e agir desiguais.

Várias são as incompreensões existentes entre os termos Preconceito, Racismo e Discriminação.

O documento Brasil, Gênero e Raça, lançado pelo Ministério do Trabalho, define:

Racismo – "a ideologia que postula a existência de hierarquia entre grupos humanos";

Preconceito - uma indisposição, um julgamento prévio negativo que se faz de pessoas estigmatizadas por estereótipos";

Estereótipo - "atributos dirigidos a pessoas e grupos, formando um julgamento a priori, um carimbo. Uma vez ‘carimbados’ os membros de determinado grupo como possuidores deste ou daquele ‘atributo’, as pessoas deixaram de avaliar os membros desses grupos pelas suas reais qualidades e passam a julgá-las pelo carimbo";

Discriminação – "é o nome que se dá para a conduta (ação ou omissão) que viola direitos das pessoas com base em critérios injustificados e injustos, tais como: a raça, o sexo, a idade, a opção religiosa e outros".

Racismo é crime inafiançável e imprescritível.(Art. 5.º, XLII, CF).

Segundo a Constituição Federal, todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza. A Carta diz, também, que constituem princípios fundamentais da Republica Federativa do Brasil o de promover o bem comum, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade ou quaisquer outras formas de discriminação.

Dentre os crimes resultantes de preconceitos de raça ou de cor, punidos pela lei (Leis N.º 7.716/89 e 9.459/97), estão os seguintes:

1 – Impedir ou obstar o acesso de alguém, devidamente habilitado, a qualquer cargo da Administração Pública, bem como negar ou impedir emprego em empresa privada.

2 – Recusar, negar ou impedir a inscrição de aluno em estabelecimento de ensino público de qualquer grau;

3 – Impedir o acesso ou recusar o atendimento nos seguintes locais: a) restaurantes, bares e confeitarias; b) estabelecimentos esportivos, casas de diversões e clubes sociais abertos ao público; c) hotéis, pensões e estalagens;

4 – Impedir o acesso às entradas sociais em edifícios públicos ou residenciais e respectivos elevadores ou escadas de acesso.

Vamos incentivar a leitura!

Consciência Negra/ Dante



Vamos incentivar a leitura!

05 junho 2010

Canção da Africa



Vamos incentivar a leitura!

CANÇÃO DOS POVOS



Vamos incentivar a leitura!