30 maio 2008

Você consegue!

4LF4B3TO

Lendo números!


Veja só como seu cérebro é esperto!
Leia esta mistura de letras e números abaixo:


35T3 P3QU3N0 T3XTO 53RV3 4P3N45 P4R4 M05TR4R COMO NO554 C4B3Ç4 CONS3GU3 F4Z3R CO1545 1MPR3551ON4ANT35! R3P4R3 N155O! NO COM3ÇO 35T4V4 M310 COMPL1C4DO, M45 N3ST4 L1NH4 SU4 M3NT3 V41 D3C1FR4NDO O CÓD1GO QU453 4UTOM4T1C4M3NT3, S3M PR3C1S4R P3N54R MU1TO, C3RTO? POD3 F1C4R B3M ORGULHO5O D155O! SU4 C4P4C1D4D3 M3R3C3! P4R4BÉN5!

Atividades Integradas

História

Cana-de-açúcar – cultivo e produção

O cultivo da cana-de-açúcar deu-se pela necessidade imperativa de colonizar e explorar um território até então sem muita importância econômica para Portugal.

Vários foram os motivos para a escolha da cana, entre eles a existência no Brasil do solo de massapê, propício para o cultivo da cana-de-açúcar, além de ser um produto muito bem cotado no comércio europeu - destinado unicamente à exportação e capaz de gerar valiosíssimos lucros, transformando-se no alicerce econômico da colonização portuguesa no Brasil entre os séculos XVI e XVII.

As primeiras mudas foram trazidas da Ilha da Madeira por Martim Afonso de Souza, responsável pela instalação do primeiro engenho em São Vicente, no ano de 1533. Em seguida, muitos outros se proliferaram pela costa brasileira. O Nordeste, principalmente o litoral pernambucano e baiano, sorveu a maior parte da produção açucareira da colônia.

A maior contribuição dos engenhos, porém, foi estar em um ponto bastante privilegiado, facilitando o escoamento e agilizando a chegada do produto aos mercados consumidores.

Sistematizando o que aprendeu…

Responda:

1. Qual foi o motivo principal que deu início ao cultivo de cana-de-açúcar no Brasil?

_____________________________________________________________

_____________________________________________________________

_____________________________________________________________

2. A escolha da cana-de-açúcar foi feita por vários motivos. Escreva dois deles.

____________________________________________________________

____________________________________________________________

____________________________________________________________

____________________________________________________________

3. Como as primeiras mudas de cana-de-açúcar chegaram aqui?

____________________________________________________________

____________________________________________________________

4. Os engenhos estavam localizados estrategicamente. Em que a localização facilitava a vida dos donos dos engenhos?

____________________________________________________________

____________________________________________________________

____________________________________________________________

Integrando…

Geografia

  1. Os engenhos se proliferaram pela costa brasileira. Marque a parte do litoral brasileiro que foi primeiramente explorado.

2- A maior contribuição dos engenhos, porém, foi estar em um ponto bastante privilegiado, facilitando o escoamento e agilizando a chegada do produto aos mercados consumidores (Europa). Utilize setas ou outros meios gráficos, para indicar o escoamento do açúcar no mapa abaixo.

Português

  1. Coloque em ordem alfabética e procure no dicionário o significado, levando em conta o contexto, as palavras abaixo, eu já comecei.

Ä cultivo

Ä colonizar

Ä explorar

Ä massapê
Ä
propício

1º – colonizarTransformar em colônia.









  1. Complete o quadro abaixo com os substantivos próprios do nosso texto.

NOMES DE PESSOAS


NOMES DE LUGARES














  1. Complete os espaços com palavras sinônimas às que estão no texto:

“O cultivo da cana-de-açúcar deu-se pela necessidade imperativa de _________________ e __________________ um território até então sem muita importância econômica para Portugal.

Vários foram os motivos para a __________ da cana, entre eles a existência no Brasil do solo de massapê, propício para o cultivo da cana-de-açúcar, além de ser um produto muito bem cotado no comércio europeu - ___________ unicamente à exportação e capaz de gerar __________________ lucros, transformando-se no _________ econômico da colonização portuguesa no Brasil entre os séculos XVI e XVII.”


  1. Temos abaixo a figura da casa-grande e da casa do engenho da época antes da abolição da escravatura. Crie um texto descritivo da cena.

22 maio 2008

Frases de filmes

"Algumas coisas são verdadeiras, acreditando nelas ou não."
Cidade dos Anjos

19 maio 2008

Sim. Temos Africanidades!

Mini-projeto: “Africanidades”

Sugestões de atividades:

Sensibilização e conscientização quanto a diferença da cor da pele;
1- A criança com os olhos vendados tocar (ou ser tocada) nas outras tentando descobrir a cor da pele destas (a cor da pele não faz diferença quando se faz um carinho);
2- Uso de objetos (caixa de tato) e pequenos animais para tentar adivinhar as cores, com os olhos vendados;
3- Pedir para a criança se desenhar e pintar, para observar de que cor ela se pinta...
4- Desenhar como se imagina como um adulto (antes e depois do trabalho de conscientização, observar as diferenças nas cores e nas atitudes dos alunos).

Valorização do negro;
1- Pesquisa de personalidades negras de importância para o Brasil: PELÉ, MACHADO DE ASSIS, LIMA BARRETO, GARRINCHA, ZUMBI (DEUS DA GUERRA) DOS PALMARES, etc;
2- pesquisa de produtos feitos especialmente para pele e/ou cabelos dos negros, fazer uma exposição com esses produtos;
3- Confecção de bonecas e bonecos negros;
4- Histórias de alguns jogadores de futebol;
5- Campanha de valorização do negro, da pessoa, da vida.

Elevar a auto-estima, mostrando a importância da pessoa, seja qual for a sua cor da pele ou o tipo de cabelo.

Xô, racismo!

A seguinte cena aconteceu em um vôo da British Airways entre Johannesburgo (África do Sul) e Londres.

Uma mulher branca, de aproximadamente 50 anos, chegou ao seu lugar na classe econômica e viu que estava ao lado de um passageiro negro.
Visivelmente perturbada, chamou a comissária de bordo. "Qual o problema, senhora"? -perguntou a comissária. -"Não está vendo? - respondeu a senhora - vocês me colocaram ao lado de um negro”. Não posso ficar aqui. Você precisa me dar outra cadeira". "Por favor, acalme-se - disse a aeromoça - infelizmente, todos os lugares estão ocupados. Porém, vou ver se ainda temos algum disponível".
A comissária se afasta e volta alguns minutos depois. "Senhora, como eu disse, não há nenhum outro lugar livre na classe econômica. Falei com o comandante e ele confirmou. Temos apenas um lugar na primeira classe". E antes que a mulher fizesse algum comentário, a comissária continua: "Veja, é incomum que a nossa companhia permita à um passageiro da classe econômica se assentar na primeira classe. Porém, tendo em vista as circunstâncias, o comandante pensa que seria escandaloso obrigar um passageiro a viajar ao lado de uma pessoa desagradável". E, dirigindo-se ao senhor negro, a comissária prosseguiu: "Portanto, senhor, caso queira, por favor, pegue a sua bagagem de mão, pois reservamos para o senhor um lugar na primeira classe..."
E todos os passageiros próximos, que, estupefatos, assistiam à cena, começaram a aplaudir, alguns de pé.

Se você é contra o racismo, divulgue esta mensagem.

"O que me preocupa

não é o grito dos maus.

É o silêncio dos bons."
Martin Luther King

Atividadss sobre Africanidades

Durante algum tempo estarei postando atividades sobre africanidades - História e Cultura Afro Brasileira.

Africanidades



De acordo com a lei 10.639/2003, promulgada pelo Presidente da República em 9 de fevereiro de 2003, de autoria da deputada Esther Grossi, o conteúdo programático das diversas disciplinas deve abordar o estudo de História da África e dos africanos, a luta dos negros no Brasil, a cultura negra brasileira e o negro na formação da sociedade nacional, resgatando a contribuição do povo negro nas áreas social, econômica e política pertinentes à História do Brasil.

08 maio 2008

O QUE É LETRAMENTO?


Letramento não é um gancho
em que se pendura cada som enunciado,
não é treinamento repetitivo
de uma habilidade,
nem um martelo
quebrando blocos de gramática.

Letramento é diversão
é leitura à luz de vela
ou lá fora, à luz do sol.

São notícias sobre o presidente
O tempo, os artistas da TV
e mesmo Mônica e Cebolinha
nos jornais de domingo.

É uma receita de biscoito,
uma lista de compras, recados colados na geladeira,
um bilhete de amor,
telegramas de parabéns e cartas
de velhos amigos.

É viajar para países desconhecidos,
sem deixar sua cama,
é rir e chorar
com personagens, heróis e grandes amigos.

É um atlas do mundo,
sinais de trânsito, caças ao tesouro,
manuais, instruções, guias,
e orientações em bulas de remédios,
para que você não fique perdido.

Letramento é, sobretudo,
um mapa do coração do homem,
um mapa de quem você é,
e de tudo que você pode ser.


Kate M. Chong

05 maio 2008

Problema

"O que me preocupa não é o grito dos maus...
Mais sim o silêncio dos bons."
Martin Luther King